AIDA: o que é, significado, etapas, exemplos e como usar

O que é AIDA

AIDA é um acrônimo para Atenção, Interesse, Desejo e Ação. O objetivo do uso da AIDA é fazer com que as pessoas tomem medidas, tais como a compra de um produto ou serviço.

Esse método pode ser utilizado em qualquer tipo de comunicação de marketing: desde emails e conteúdo de websites até postagens em mídias sociais e anúncios impressos.

No texto a seguir, vamos ver em detalhes o que é AIDA, quais as etapas, exemplos e como implementar essa metodologia na sua empresa. Boa leitura!

O que é AIDA? Significado

AIDA é um modelo hierárquico que propõe que clientes se movem por meio de uma série de etapas durante seu processo de decisão de compra.

Trata-se de um modelo linear e sequencial baseado no behaviorismo, ou seja, na suposição de que as pessoas tomam decisões com base em uma série de fatores cognitivos e afetivos que sempre culminam em uma ação comportamental, ou seja, uma compra.

As etapas do modelo AIDA são a sigla para Atenção, Interesse, Desejo e Ação. 

Como o método AIDA surgiu?

Em 1899, Elmo Lewis, um lendário publicitário estadunidense criou um método para transformar os impressos, tornando os anúncios mais atraentes para as pessoas.

Na época, a descoberta foi revolucionária, pois ajudou a indústria a entender a importância dos elementos visuais em cada etapa do processo de vendas.

Para Lewis, a receita do sucesso deve incluir uma imagem atrativa que chame a atenção, uma chamada persuasiva capaz de gerar interesse e um texto informativo que ajude a despertar desejo e identificação.

Com o passar do tempo, o marketing mudou e hoje em dia o método AIDA é mais utilizado no ambiente digital, em estratégias como o email marketing e o inbound marketing, por exemplo.

Hoje em dia, o método já passou por diversas adequações, e é um conceito muito importante para implementação de estratégias de prospecção e nutrição de leads.

As etapas do AIDA

Etapas do AIDA

O modelo AIDA é dividido em quatro etapas: a atenção, o interesse, o desejo e a ação. Entenda mais sobre cada uma delas a seguir:

Atenção

O grande objetivo da primeira etapa do modelo AIDA é a ideia de conquistar a atenção das pessoas que entram em contato com o seu anúncio, fazendo com que percebam que o seu anúncio existe.

Nessa etapa, as empresas devem ponderar com cuidado sobre o uso de cores, tamanho e posição dos elementos de uma página de anúncio.

Algumas estratégias que funcionam são o uso de cores fortes e contrastes e posições de destaque para as informações mais relevantes.

Interesse

A segunda etapa do AIDA é focada em despertar o interesse nas pessoas que entrarem em contato com o seu anúncio.

Trata-se da forma como seu anúncio vai mostrar as informações em destaque, qual é o título, subtítulo, textos auxiliares etc.

Lembre-se: você deve mostrar para as pessoas que a empresa tem algo que ela procura e que vale a pena.

Isso atrai as pessoas e faz com que elas sigam o próximo passo, seja fornecer o email para assinar sua newsletter ou efetuando uma compra no seu site.

Desejo

A terceira etapa do AIDA é o desejo, e a criação de desejo envolve uma análise em detalhe sobre as pessoas que observam suas ofertas.

Trata-se de uma estratégia feita para funcionar no médio prazo, utilizando indicadores baseados na realidade material da empresa, como depoimentos de clientes, dados sobre o desempenho do produto, pesquisas de satisfação, entre outros.

Ou seja, vale tudo, desde mostrar comentários de clientes satisfeitos até anunciar uma conquista da empresa, como a venda do milésimo produto ou os bons resultados do serviço prestado.

Afinal, as pessoas são mais facilmente atraídas para produtos e serviços que já são populares, então mostrar a quantidade de clientes fiéis que você já conquistou é uma ótima forma de convencer a sua audiência a comprar com você.

Ação

Por fim, a quarta etapa do método AIDA, a ação, busca manter um fluxo coerente e facilitar ao máximo o processo de compra, evitando exigir informações sensíveis ou formulários muito longos.

Trata-se do conceito de transformar o desejo em ação, sendo que essa ação pode ser qualquer tipo de conversão, desde o preenchimento de um formulário até uma compra de fato.

Na etapa da ação, o marketing da empresa deve estimular as pessoas a tomarem uma atitude e, para isso, pode usar diversas estratégias, desde testes gratuitos, até descontos e o uso de gatilhos mentais.

Qual é a importância do método AIDA para o funil de vendas?

Qual é a importância do AIDA?

O método AIDA é uma estrutura capaz de auxiliar a sua empresa a controlar o funil de vendas em todas as suas etapas.

Em outras palavras, no topo do funil de vendas, sua empresa deve focar nas etapas da atenção e do interesse, de forma a levar a pessoa para o meio do funil, onde você vai estimular o desejo até chegar no fundo do funil e propor uma ação.

Exemplos de AIDA

Confira a seguir alguns exemplos de AIDA para entender melhor cada etapa do modelo:

Atenção

Exemplo AIDA no McDonald's

Essa peça do McDonalds foi colocada em outdoors ao lado das principais rodovias do país e chamou a atenção das pessoas por conta do contraste entre o vermelho e o amarelo, símbolos da marca, e a mensagem de segurança no trânsito.

Ou seja, é uma peça que chama a atenção das pessoas para fazer algo crucial para a segurança no trânsito, que é colocar o cinto, ao mesmo tempo que divulga a marca McDonalds e ainda relembra as pessoas de que você deve dirigir com segurança, mas não com fome.

Interesse

Exemplo AIDA da Chups-Chups

Já este anúncio da Chups-Chups busca mostrar, de modo inusitado, o grande diferencial do seu produto, que é o fato de ser sem açúcar.

Para isso, usa uma imagem interessante, mostrando as formigas evitando o pirulito em vez de serem atraídas para ele.

Isso desperta o interesse nas pessoas, que é respondido logo em seguida, na parte inferior da imagem, de maneira estratégica, pela informação de que se trata de um doce sem açúcar.

Desejo

Exemplo AIDA da Colgate

O desejo, como vimos, é a etapa a médio prazo, em que a sua empresa vai buscar ressaltar as experiências boas de clientes que já compraram com você, por meio da prova social, como comentários, ou comemorando conquistas da sua empresa.

Um dos exemplos mais clássicos é esse slogan da Colgate, que diz que a marca é a número um em recomendações pelos dentistas.

Ou seja, trata-se de uma peça que trabalha o desejo das pessoas mostrando a autoridade da marca e apelando para o fato de que um produto ou serviço muito recomendado provavelmente é bom.

Ação

Exemplo AIDA da Samsung

Por fim, na quarta etapa, a da ação, o seu anúncio deve buscar fazer uma oferta direta, como neste exemplo do Galaxy S20.

Nele, vemos uma oferta em que, na compra de um Galaxy S20, 20+ ou S20 Ultra até a data limite, a pessoa ganhava de brinde um Galaxy Watch Active2.

Um anúncio simples, direto ao ponto, e fazendo uma oferta irrecusável para as pessoas.

Como usar o método AIDA? 5 dicas

Como usar o método AIDA?

Veja agora 5 dicas para implementar o método AIDA na sua empresa:

Tenha conhecimento sobre o seu público-alvo

O primeiro passo para implementar o método AIDA de maneira eficiente na sua empresa é fazer um estudo sobre o seu público-alvo e sua audiência.

Você precisa conhecer muito bem quem são as pessoas que compram com a sua empresa para que você possa construir campanhas de marketing efetivas, que melhorem a imagem da sua empresa ao mesmo tempo que constrói um relacionamento de longo prazo.

Uma das melhores formas de fazer isso é implementar um CRM de vendas na sua empresa, pois esse sistema reúne todas as informações sobre a sua base de clientes em um único lugar.

Com o tempo utilizando a plataforma, você terá diversos dados e indicadores relevantes sobre as pessoas que compram com você e poderá utilizar essas informações para criar campanhas de marketing realmente capazes de converter.

Outra metodologia muito eficaz é a criação de personas, que nada mais são do que perfis de cliente ideal utilizados para o direcionamento da criação de campanhas de marketing.

Na hora de criar as personas, lembre-se de incluir informações como:

  • nome;
  • idade;
  • gênero;
  • desejos;
  • necessidades;
  • desafios;
  • sonhos;
  • problemas;
  • profissão;
  • renda mensal;
  • hábitos de consumo.

Mostre diferenciais competitivos

Além de conhecer muito bem o seu público-alvo, você também deve ter total domínio sobre as possibilidades da oferta que você tem em mãos e os seus diferenciais competitivos.

Você deve orientar a sua equipe de vendas para que todas essas pessoas conheçam a fundo todos os benefícios de cada um dos seus produtos e serviços, pois dessa forma essas pessoas terão mais argumentos para despertar o interesse e o desejo em suas abordagens.

Busque alinhar as dores do cliente com os benefícios da sua solução, criando uma estratégia de marketing capaz de ressaltar todos esses benefícios.

Lembre-se: você deve apresentar para a pessoa o que ela irá ganhar e quais problemas ela irá resolver com o seu produto.

Dessa forma, você aumenta as suas chances de conseguir bons resultados com o modelo AIDA.

Faça um conteúdo relevante

Para implementar o método AIDA com sucesso, você precisa se perguntar sobre o que você vai conversar com clientes potenciais e quais argumentos serão utilizados para atrair essas pessoas para comprar com a sua empresa.

Você precisa ter em mente que, para se destacar no mercado você precisa produzir um conteúdo relevante e que agregue valor na vida das pessoas.

Em todas as etapas do AIDA, a sua prioridade deve ser se conectar com as pessoas e a produção de conteúdo relevante é fundamental para atingir esse objetivo.

Se você está em dúvida sobre que tipo de conteúdo oferecer para sua base de clientes, busque observar as etapas da jornada de clientes e como a sua empresa ajuda as pessoas.

Tudo isso vai deixar mais claro para você quais pautas são boas para atingir os seus objetivos.

Dentre as principais plataformas que você pode utilizar para enviar conteúdo para a sua base de clientes, destacamos as seguintes:

  • anúncios pagos;
  • redes sociais;
  • blogs;
  • eboks;
  • email marketing;
  • SMS marketing;
  • WhatsApp marketing;
  • newsletters.

Lembre-se: as mensagens de marketing não necessariamente precisam ser superficiais como o discurso publicitário tradicional.

Se você realmente deseja causar impacto e criar um relacionamento, é importante investir na produção de conteúdos aprofundados e que agreguem valor na vida das pessoas.

Faça a segmentação da sua audiência

Segmentar clientes é uma das formas mais eficientes de se comunicar de maneira efetiva com várias pessoas ao mesmo tempo.

Ao segmentar, você consegue enviar mensagens personalizadas para as pessoas em diferentes estágios do funil de vendas.

Em outras palavras, você terá um diálogo personalizado com as pessoas, o que proporciona uma grande melhora na experiência do cliente.

Com a ActiveCampaign, por exemplo, você pode dividir a sua carteira de clientes de acordo com as probabilidades de compra.

Assim, você irá enviar mensagens diretas, incentivando a compra, para pessoas no fundo do funil, e mensagens mais amplas, explicando mais sobre o assunto da empresa e despertando o interesse em pessoas no topo do funil.

Use a automação ao seu favor

A automação de marketing é um dos passos mais importantes para o sucesso da aplicação do modelo AIDA na sua empresa.

Por meio da automação, é possível segmentar clientes, criar fluxos de nutrição de leads automáticos, qualificar leads, rastrear o comportamento de cada contato individualmente, identificar as melhores oportunidades e enviar leads prontos para o setor de vendas.

A automação permite que você economize tempo da sua equipe, que poderá se focar em tarefas mais importantes, como a elaboração de campanhas mais efetivas.

Conclusão

O modelo AIDA é uma forma testada ao longo do tempo para conseguir fazer com que mais pessoas fiquem interessadas em seu produto ou serviço.

Ao entender as diferentes etapas do processo de compra e o que motiva as pessoas em cada etapa, você pode criar um conteúdo de marketing que fale às suas necessidades e as impulsione ainda mais para baixo do funil.

A ActiveCampaign pode ajudar você com tudo isso, automatizando seus processos de marketing e fornecendo informações sobre o bom desempenho de suas campanhas.

Então, por que não testar por conta própria? Inscreva-se hoje para um teste gratuito de 14 dias e veja como você pode começar a usar o AIDA para aumentar suas vendas!

Comment section